beforeContent_c1:

Primeiros Passos

Descomplicando o mundo dos investimentos, para melhorar sua educação financeira

O que são as ações blue chips? E quando valem a pena?

Invista agora, com o Monitor Investimentos. Clique aqui e saiba mais!

blue chips imagem destaque piqsels
Piqsels.com

Não se deve tratar investimentos como cassino. A estratégia deve estar sempre acima da sorte, quando se trata do planejamento para fazer seu dinheiro render. 

Ainda assim, as semelhanças entre as “apostas” na Bolsa de Valores e o jogo fazem com que o termo blue chips seja muito usado no mundo dos investimentos. Ele vem do inglês e significa fichas azuis, que são as mais valiosas nos cassinos. 

As ações blue chips são os papéis considerados mais importantes da Bolsa. 

Abaixo, o Monitor do Mercado explica como reconhecer as blue chips e por que elas costumam ser recomendadas por analistas:

O que são blue chips? 

No geral, blue chip é o termo usado para se referir a ações que o mercado acredita serem seguras, de uma companhia que tenha boas condições financeiras e que seja consolidada na sua área. Elas costumam pagar bons e crescentes dividendos, e por isso, as blue chips são “queridinhas dos investidores”. 

Outras características que essas ações podem ter são: 

  1. Valor alto de mercado; 
  2. Finanças saudáveis e crescentes; 
  3. Boa gestão; 
  4. Uma relação de transparência com os acionistas; 
  5. Distribuição de lucros; 
  6. Liquidez de negociação.

Geralmente, os papéis de primeira linha — que possuem alta liquidez, grande volume de negócios diários e nível maior de segurança de investimento —compõem o Ibovespa, que reúne as ações mais negociadas na B3. 

Confira a seguir alguns exemplos de blue chips: 

  • Petrobras;
  • Ambev; 
  • Vale;
  • Gerdau; 
  • BTG Pactual; 
  • Itaú Unibanco; 
  • Banco do Brasil;
  • Magazine Luiza.

Por que investir em blue chips?

As blue chips oferecem algumas vantagens, como por exemplo a solidez em relação aos outros tipos já que negócios de maior porte normalmente são mais consolidados no mercado. Normalmente, as blue chips também têm um maior histórico na relação com os acionistas e um melhor nível de governança.

Outro benefício dessas ações é a resiliência, já que elas costumam se comportar com mais equilíbrio em momentos de crise, além da liquidez, já dito anteriormente.
Para os investidores que têm como foco os dividendos, as blue chips podem ser interessantes, uma vez que as grandes empresas, que tenham uma parcela significativa do mercado, podem oferecer maior volume de distribuição de proventos no longo prazo.

afterContent:
comments:
Widget: 62: