TERMÔMETRO: Projeção de alta de 100 pontos-base da Selic é majoritária

Invista agora, com o Monitor Investimentos. Clique aqui e saiba mais!


São Paulo, 17 de setembro de 2021 - A maioria dos participantes do
mercado financeiro acredita que o Comitê de Política Monetária (Copom) do
Banco Central (BC) manterá o ritmo do ciclo de aperto monetário iniciado em
março e elevará a taxa de básica de juro (Selic) em 100 pontos-base na
próxima quarta-feira.

Já uma fração minoritária dos participantes do mercado acredita que o
Copom irá acelerar o ritmo do ciclo, elevando a Selic em 125 pontos-base na
reunião da semana que vem. O fato é que a continuidade do aperto monetário
está em linha com as sinalizações da própria autoridade monetária. A
dúvida é se o ritmo será mantido ou acelerado.

Conforme levantamento preliminar do Termômetro CMA, feito nesta semana, 11
das 13 instituições financeiras consultadas consideram que a Selic será
elevada em 1,00 ponto porcentual, para 6,25% ao ano. Outras duas casas apostam
em uma alta de 1,25 ponto porcentual, para 6,50% ao ano.

No encontro anterior, ocorrido em meados de agosto, o Copom elevou a taxa
Selic pela quarta vez seguida, levando-a a 5,25% ao ano.

A próxima decisão do Copom será divulgada na quarta-feira da semana que
vem (dia 22), às 18h, exclusivamente no site do Banco Central. O comunicado com
a decisão será publicado logo após o término da reunião.

Paulo Holland / Agência CMA

Copyright 2021 - Grupo CMA

Widget: 15:

Receba nosso boletim