REINO UNIDO: País adotará sistema de permissão de entrada mais simples

Invista agora, com o Monitor Investimentos. Clique aqui e saiba mais!


São Paulo, 17 de setembro de 2021 - A partir de 4 de outubro, o Reino Unido
substituirá seu sistema de permissões em fases em relação a outros países
e deixará apenas a lista vermelha com os países cujos habitantes estão
proibidos de entrar em território britânico devido ao coronavírus, declarou o
ministro do Transporte do Reino Unido, Grant Shapps. As informações são da
agência de notícias "Sputnik".

"A partir de 4 de outubro, apresentamos um novo sistema de viagens
internacionais mais simples, substituindo a abordagem atual apenas com a lista
vermelha e medidas simplificadas para o resto do mundo", escreveu Shapps em
sua conta no Twitter.

Na mesma data, os viajantes estrangeiros que completaram sua imunização
contra covid-19 não precisam mais se submeter a um teste de coronavírus antes
de sua chegada à Inglaterra, se viajarem de países que não fazem parte da
lista vermelha.

"E no final de outubro eles poderão substituir o teste de PCR (reação em
cadeia da polimerase) do segundo dia por um teste de fluxo lateral mais
barato", revelou Shapps.

Além disso, no dia 22 de setembro, oito países serão excluídos da lista
vermelha - ou seja, a lista dos Estados com maior risco de contrair o
coronavírus - são Turquia, Paquistão, Maldivas, Egito, Sri Lanka, Omã,
Bangladesh e Quênia.

Por enquanto, a classificação britânica de risco e restrições de
fronteira contra o coronavírus está dividida em três categorias, ou seja,
listas que vão do menos perigoso ao mais perigoso: verde, âmbar e vermelho.

Julio Viana / Agência CMA

Copyright 2021 - Grupo CMA

Widget: 15:

Receba nosso boletim