ATA FED:Membros sinalizam que redução de ativos pode acabar em 2022(amplia)

Invista agora, com o Monitor Investimentos. Clique aqui e saiba mais!


Acrescenta informações a partir do quinto parágrafo

São Paulo, 13 de outubro de 2021 - Os membros do Comitê Federal de Mercado
Aberto (Fomc, na sigla em inglês) sinalizaram que o Federal Reserve (Fed, o
banco central norte-americano) pode começar a reduzir as compras mensais de US$
120 bilhões em ativos em meados de novembro ou de dezembro e encerrar o
processo conhecido como tapering em meados do próximo ano, segundo a ata da
reunião de política monetária de setembro.

"Nenhuma decisão de prosseguir com a moderação das compras de ativos
foi tomada na reunião, mas os participantes em geral avaliaram que, desde que a
recuperação econômica permanecesse amplamente no caminho certo, um processo
de redução gradual concluído em meados do próximo ano provavelmente seria
apropriado", diz a ata.

Todos os membros do Fomc entenderam ainda, segundo o documento, que seria
apropriado que a declaração pós-reunião de setembro transmitisse a opinião
do comitê de que, se o progresso continuasse como esperado, uma moderação no
ritmo de compras de ativos pode ser justificada em breve.

"Os participantes observaram que, se a decisão de começar a reduzir as
compras ocorresse na próxima reunião, o processo de redução poderia começar
com os calendários mensais de compra começando em meados de novembro ou
meados de dezembro", diz a ata.

Durante o encontro, os membros do Fomc expressaram suas opiniões sobre como
a desaceleração no ritmo de compras pode ocorrer. Na ocasião, eles citaram
um modelo ilustrativo desenvolvido pela equipe do Fed e que indicava reduções
mensais no ritmo de compra de ativos em US$ 10 bilhões no caso dos títulos do
Tesouro e US$ 5 bilhões no caso dos títulos lastreados em hipotecas (MBS, na
sigla em inglês).

"Os participantes geralmente comentaram que o caminho ilustrativo fornecia
um modelo direto e apropriado que os formuladores de políticas deveriam
seguir, e alguns participantes observaram que avisar com antecedência ao
público em geral sobre um plano nesse sentido pode reduzir o risco de uma
reação adversa do mercado a uma moderação em compras de ativos", diz a
ata.

O documento mostra ainda que os membros do Fomc observaram que, de acordo
com o padrão baseado em resultados para iniciar uma redução gradual das
compras de ativos, o comitê poderia ajustar o ritmo da moderação de suas
compras se a evolução econômica fosse substancialmente diferente do que eles
esperavam.

"Vários participantes indicaram que preferiam proceder com uma
moderação mais rápida das compras do que o descrito nos exemplos
ilustrativos", diz a ata.

Carolina Gama / Agência CMA

Copyright 2021 - Grupo CMA

Widget: 15:

Receba nosso boletim