beforeContent_c1:
Widget: 37:

EUA: Kashkari, do Fed, defende acomodação após relatório de emprego

Invista agora, com o Monitor Investimentos. Clique aqui e saiba mais!


São Paulo, 7 de maio de 2021 - O presidente da unidade do Federal Reserve
(Fed) de Mineápolis, Neel Kashkari, disse que o relatório de emprego de abril
ilustra a necessidade da manutenção da política acomodatícia do banco
central norte-americano.

"Acho que ainda há muito estímulo fiscal em andamento e a política
monetária ainda está a todo vapor para tentar nos fazer superar isso", disse
ele em entrevista para a Bloomberg TV.

Dados do Departamento do Trabalho norte-americano mostraram que a economia
dos Estados Unidos criou 266.000 empregos em abril, bem abaixo dos 1 ,05 milhão
de vagas esperada pelos economistas consultados pela Agência CMA e abaixo do
dado revisado de março de 770.000 postos de trabalho. Já a taxa de desemprego
subiu de 6,0% para 6,1% ante projeção de recuo para 5,8%.


"O nível de apoio federal combinado com a política monetária
provavelmente será suficiente para restaurar e superar a pandemia e chegar a
algo como pleno emprego ou máximo de emprego, e fazer com que a economia se
recupere", afirmou.

Kashkari, que não tem direito a voto este ano, disse ainda que não se
comove com aqueles em Wall Street que dizem que uma política monetária
agressivamente fácil está criando problemas nos mercados. "Sinto-me muito bem
com nossa abordagem política", afirmou.

Na reunião da semana passada, o comitê de política monetária manteve a
taxa de juros perto de zero e seguiu com as comprar de U $ 120 bilhões em
títulos do Tesouro e hipotecas por mês.

Nesta semana, vários presidentes regionais do Fed defenderam a manutenção
do nível atual de acomodação monetária, depois que um deles, o chefe da
unidade de Dallas, Robert Kaplan, afirmou que estaria pronto para iniciar as
discussões do chamado tapering - expressão usada para se referir à
redução gradual da compra de ativos.

Carolina Gama / Agência CMA

Copyright 2021 - Grupo CMA

content:
afterContent:
sidebar:
Widget: 38:
Widget: 15:

Receba nosso boletim

Widget: 104: