beforeContent_c1:
Widget: 53:
Widget: 37:

Cade finaliza 40ª edição de seu programa de intercâmbio

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) realizou, nesta sexta-feira (14/02), a cerimônia de encerramento da 40ª edição do seu Programa de Intercâmbio, o PinCade. Ao todo, 20 alunos de graduação e pós-graduação, das cinco regiões do país, tiveram a oportunidade de vivenciar o cotidiano da autarquia e de participar de atividades teóricas e práticas sobre defesa da concorrência.

As atividades do PinCade foram realizadas no período de 20 de janeiro a 14 de fevereiro. Nesse período, além da experiência prática em diversas áreas de lotação no Cade, os estudantes participaram também do Curso Aplicado de Defesa da Concorrência, no qual foram ministradas palestras de capacitação por técnicos do Cade, professores e autoridades públicas. Este ano, foram abordados temas como: economia digital, novas ferramentas de investigação, remédios em atos de concentração, cooperação internacional na defesa da concorrência, entre outros.

Para a estudante de Direito da Universidade da Amazônia Alexandra Monteiro Cauper Dória, o PinCade é uma experiência diferenciada por possibilitar a imersão nas áreas de Direito Econômico e Concorrencial, temas dos quais ela quase não teve contato na universidade. Lotada na Procuradoria Federal Especializada (ProCade), a pincadista teve a oportunidade de conhecer melhor o funcionamento da área jurídica da autarquia.

“É uma experiência que agrega muito, tanto profissionalmente, porque é um leque que se abre, quanto pessoalmente, porque você conhece pessoas de todos os lugares do Brasil. É um networking incrível”.

Já o mestrando em Economia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul Olavo Severo Guimarães destacou a qualidade do curso ofertado durante o programa, com palestrantes de referência e vivência prática na área antitruste. O estudante também avaliou de forma positiva sua experiência no Gabinete da conselheira Paula Azevedo.

“É uma oportunidade única, sobretudo para quem não é do eixo São Paulo – Brasília. Eu achei todas as palestras muito bem boladas e os palestrantes muito qualificados. O mais interessante foi poder acompanhar o dia a dia do gabinete e lidar com os processos. É uma experiência estimulante, interessante e enriquecedora, que eu espero que abra novas oportunidades para mim no futuro”, afirmou.

A pincadista Nicole Chama dos Santos, estudante de Ciências Econômicas da Universidade Federal de São Paulo, resumiu sua participação no PinCade com uma palavra: “enriquecedora”. Ela apontou que a iniciativa do Cade de abrir as portas da autarquia a estudantes de diversos lugares do país possibilita a diversidade de cultura, de valores e de conhecimento, o que torna a experiência diferenciada.

Além disso, Nicole destacou como sua participação prática na Coordenação-Geral de Análise Antitruste 4, da Superintendência-Geral do Cade, contribuiu para seu enriquecimento pessoal e profissional.

“A minha experiência foi incrível começando pelo ambiente de trabalho e seus servidores, por toda receptividade, pró-atividade, atenção, descontração e trocas de conhecimento na qual fui inserida. Chefiada brilhantemente, creio que minha lotação aproveitou de mim o que eu sei fazer de melhor, pesquisa econômica, bem como eu também acabei contribuindo da melhor maneira que eu pude e fazendo o que eu mais gosto. Eu encerro meu PinCade com a certeza de que o programa cumpriu seu objetivo, bem como superou minhas expectativas”, finalizou.

Com informações da assessoria de imprensa do Cade

afterContent:
comments:
Widget: Comentários 17:

Comentários

sidebar:
Widget: 24:
Widget: 39:
Widget: 58:
Widget: 38:
Widget: 15:

Receba nosso boletim

Widget: 59: