beforeContent_c1:
Widget: 53:
Widget: 37:
exportacao - container - destaque noticia - Photo by Andy Li on Unsplash

Dívidas em dólar fazem companhias registrarem alto prejuízo no 1T2020

Os prejuízos de R$ 13,4 bilhões da Suzano e de R$ 5,9 bilhões da JBS no primeiro trimestre deste ano chamaram a atenção dos investidores.

Mesmo depois da divulgação dos resultados, grandes corretoras como BTG e XP continuam recomendando a compra das ações (JBSS3 e SUZB3).

“São números que não assustam o profissional. A gente já tem uma leitura diferente do balanço”, explica William Teixeira, especialista em renda variável da Messem Investimentos.

Os prejuízos registrados no primeiro trimestre são o assunto da coluna do Monitor do Mercado na Folha de S.Paulo nesta semana. Clique aqui para ler.

Acontece que grande parte do prejuízo delas se deve a dívidas em dólar, típicas de grandes exportadoras. No caso da Suzano, há ainda o hedge, que você pode entender melhor aqui.

Empresas globais têm fornecedores internacionais. Assim, compram, e fazem dívidas, em dólar. E o dólar nas nuvens leva essas dívidas com ele.

As dívidas, por sua vez, são computadas como despesas desde já, mesmo que só precisem ser pagas daqui a seis meses, por exemplo.

Então essa dívida que aparece no balanço pela cotação atual do dólar, será paga nos próximos meses, com a cotação do dia do pagamento. E, como as vendas das empresas também são em dólar, quando for a hora de pagar, a companhia terá recebido outros tantos dólares.

Assim, a alta da moeda americana é ruim apenas para o balanço, que computa as dívidas, mesmo que parceladas, como despesas. Se estiverem equilibradas com a previsão de vendas e receitas da empresa, não é nenhum problema.

Veja, abaixo, as empresas listadas na Bolsa com mais dívidas em dólar, em levantamento exclusivo feito pelo TradeMap para o Monitor do Mercado.

Maior dívida em dólar

Empresa

Dívida em bilhões de dólares

Suzano

                               57,60

JBS

                               15,70

Minerva

                                 9,80

CPFL Energia

                                 9,10

Cemig

                                 8,00

Cemig GT

                                 8,00

B3

                                 4,00

Energisa

                                 3,70

Light

                                 2,90

PetroRio

                                 2,40

 

Maior participação da dívida em dólar na dívida bruta

Empresa

% da dívida bruta em  dólares

General Shopping

99

Light

98

Weg

93

CEE-GT

92

Cemig GT

85

Minerva

84

PetroRio

78

B3

76

Suzano

76

Alpargatas

75

Foto em destaque: Andy Li/Unsplash

content:
afterContent:
comments:
Widget: 61:
sidebar:
Widget: 24:
Widget: 39:
Widget: 58:
Widget: 38:
Widget: 15:

Receba nosso boletim

Widget: 59: