beforeContent_c1:
Widget: 37:
cvc imagem destaque wikimedia commons

Justiça proíbe CVC de divulgar informações negativas sobre ex-CEO

Invista agora, com o Monitor Investimentos. Clique aqui e saiba mais!

A CVC informou que recebeu determinação da Justiça que a impede de conceder entrevistas e prestar informações que possam depreciar o ex-administrador Luiz Fernando Fogaça ou sua administração, sob a forma escrita e oral, de mídia eletrônica.

Em março, a administração da CVC recomendou aos seus acionistas entrar com ação de responsabilidade contra os ex-administradores identificados em apuração realizada pela companhia que identificou danos de mais de R$ 67 milhões, em virtude do descumprimento de seus deveres legais e estatutários. 

O assuntou foi deliberado pelo conselho de administração em reunião realizada em 26 de março, em que o colegiado recebeu os resultados da apuração complementar realizado pelo escritório E.Munhoz Advogados, com apoio da área de controle de riscos, que apontou os nomes de Luiz Fernando Fogaça, Leopoldo Saboya, Jacques Douglas Varaschim, e Luiz Eduardo Falco, que ocuparam os cargos de diretor financeiro e presidente, diretor financeiro, diretor de tecnologia da informação e ex-presidente e membro do conselho de administração.

Segundo o documento, os administradores deverão responder civilmente pelos prejuízos que causados à companhia.

 

Bruno Soares / Agência CMA
Copyright 2021 - Grupo CMA
Imagem em destaque: Wikimedia Commons

content:
afterContent:
comments:
Widget: 61:
sidebar:
Widget: 24:

CVCB3 - ON - CVC

CNPJ: 10.760.260/0001-19
  • Preço: R$ 24,87
  • Vari.mês: 3,05%
  • Preço médio: R$ 24,75
Widget: 39:
Widget: 38:
Widget: 15:

Receba nosso boletim

Widget: 104: