beforeContent_c1:
Widget: 37:
mandetta ministro da saude covid imagem destaque fotos publicas Jefferson Rudy/Agência Senado

Mandetta defende aguardar sintomas da covid antes de procurar hospital

O ex-ministro da Saúde, Henrique Mandetta, defendeu a orientação passada ao público durante seu período no cargo, de aguardar os sintomas da covid-19 antes de procurar tratamento médico em hospitais.

"Num momento de viroses, a orientação sempre foi que se observe a virose, não vá para o hospital, porque aglomera e se tiver um paciente positivo ele vai contaminar a sala de espera", disse Mandetta, acrescentando que "todas as orientações são para dar entrada pelo sistema de saúde". 

Ele disse também que era necessário ser avaliado o contexto da recomendação, porque, segundo ele, na época as pessoas estavam indo ao hospital para fazer testes de covid-19. 

"Estávamos no mês de janeiro, de fevereiro, não havia um caso registrado dentro do país. Havia naquele momento pessoas em sensação de insegurança, de pânico, porque viam na televisão hospitais construídos na China, a própria Itália com seu lockdown e procuravam hospitais com o intuito de fazer teste", disse Mandetta.

Ele também disse que durante seu período no cargo combateu informações enganosas sobre a capacidade de transmissão da covid-19. 

"Combatíamos naquela época que cidades quentes tropicais não vão ter problema. Eu alertava Manaus, Cuiabá. Falavam do isolamento vertical, isole só os idosos, não era verdade. A gente tinha que orientar. Todas as nossas orientações foram assertivas, pela ciência", acrescentou. 

 

Gustavo Nicoletta / Agência CMA (g.nicoletta@cma.com.br)
Copyright 2021 - Grupo CMA
Imagem em destaque: Fotos Públicas/Jefferson Rudy/Agência Senado

content:
afterContent:
comments:
Widget: 61:
sidebar:
Widget: 24:
Widget: 39:
Widget: 38:
Widget: 15:

Receba nosso boletim

Widget: 104: