beforeContent_c1:
Widget: 37:
Pfizer crianças Piqsels

Agência europeia aprova vacina da Pfizer para crianças de 5 a 11 anos

Invista agora, com o Monitor Investimentos. Clique aqui e saiba mais!

A Agência Europeia de Medicamentos (EMA) aprovou a vacina da Pfizer contra a covid-19 para crianças com idades entre 5 e 11 anos, uma nova medida que ajuda no combate ao novo coronavírus no momento que a pandemia avança na Europa.

Segundo nota publica pela EMA, para crianças de 5 a 11 anos de idade, a dose será menor do que a utilizada em pessoas com 12 anos ou mais (cerca de um terço a menos). Assim como nos mais velhos, serão duas doses nos músculos do braço, com três semanas de intervalo.

"Um estudo em crianças de 5 a 11 anos mostrou que a resposta imunológica da Comirnaty [nome científico da vacina] dada com uma dose mais baixa nesta faixa etária foi comparável à observada com a dose mais alta em jovens de 16 a 25 anos", diz a nota da agência.

Neste mesmo estudo, a vacinação apresentou uma eficácia de 90,7% em um teste com 2 mil crianças da mesma faixa etária, apesar da efetividade do imunizante poder variar entre 67,7% e 98,3%, diz o regulador europeu.

Os efeitos colaterais mais comuns são semelhantes ao grupo de crianças de 12 anos ou mais, classificados como "leve" ou "moderados". Eles podem se apresentar como dor no local da injeção, dor de cabeça, vermelhidão e inchaço do local da injeção, dor muscular e calafrios. Segundo a nota, esses efeitos melhoram dentro de poucos dias após a vacinação.

A vacina da Pfizer já havia sido autorizada em adolescentes a partir de 12 anos nos 27 países da União Europeia (UE).

Darlan Azevedo / Agência CMA
Copyright 2021 - Grupo CMA
Imagem: Piqsels.com

content:
afterContent:
sidebar:
Widget: 24:
Widget: 39:
Widget: 15:

Receba nosso boletim

Widget: 104: